Pele mais bonita e saudável? Mude seus hábitos!

Pense em sua agenda desta semana.
Pensou em todos os compromissos, datas e horários?

Bom, se alguém te dissesse que você ganhou R$50 e te pedisse para ir buscar, talvez você até pudesse sair 5 minutos mais cedo daquele compromisso e dar uma passadinha…
Mas, se alguém te dissesse que tem R$5.000,00 esperando por você?! Ai a história muda e COM CERTEZA algum evento seria remarcado, adiado ou cancelado e você DARIA UM JEITO de ir buscar o prêmio, não é?

Calma ai, respira fundo porque, infelizmente, não estou sabendo de nenhum prêmio do gênero. Essa só uma história que ouvi esta semana para refletir a respeito de prioridades em nossa vida, porque quando é possível, sabemos que conseguimos dar um jeito e fazer.

É por isso que, como dermatologista, este é sempre um assunto que trato com minhas pacientes no consultório: A sua saúde tem sido tratada como prioridade?

Confesso que nem preciso ouvir a resposta para saber a verdade. Basta examinar a pele, o quadro geral do paciente, relevando os históricos médicos, para averiguar com que grau de importância os cuidados diários com a pele têm sido levados a sério.

Então, este é um tema importante e merece alguns minutos da sua atenção.

Cuidar da pele, por que?

Por ser o maior órgão do corpo, a pele leva a importante função de proteger todos os outros órgãos. Como ela está sempre exposta ao ambiente externo, é necessária uma rotina de cuidados que ajudem a mantê-la saudável e protegida.

Cuidar da pele, como?

Costumo sempre dizer às minhas pacientes que existem 3 fatores imprescindíveis para manter a sua pele bem cuidada: Água, protetor solar e alimentação. Então, quando falamos do BÁSICO – reforço porque esses cuidados não param por aí – estamos falando também sobre pequenos detalhes que fazem toda a diferença no decorrer dos anos. Vamos dar uma espiadinha, inicialmente, nestes 3 itens?

Água
O primeiro ponto é que a pele humana é coberta pelo manto hidrolipídico, um composto de água e ácidos graxos que protege o corpo, sendo chamada de barreira protetora da pele. Assim, a ingestão da água ajuda a fortalecer essa camada, a manter a hidratação da pele, a diminuir as celulites e a combater o envelhecimento. Então, carregue a sua garrafinha e procure ingerir no mínimo 2L de água por dia.

Protetor Solar
Os efeitos dos raios solares e radiação ultravioleta (UV) podem ser devastadores para a nossa pele, uma vez que eles penetram profundamente a pele e provocam diversas alterações, como pintas, sardas, manchas, rugas etc.  Além do envelhecimento, a exposição excessiva dos raios solares também pode causar tumores benignos ou malignos, como o carcinoma basocelular, espinocelular e o melanoma. Em geral, a maioria dos casos de câncer de pele está relacionado à exposição solar, assim todo o cuidado é pouco.

Algo novo no mercado também, são os protetores com cores que, além da proteção contra a incidência solar, em sua composição possuem ativos que proporcionam uma proteção física para a pele, impedindo que a luz visível – presente em celulares, monitores de computador e lâmpadas – penetre e proporcione a formação de manchas e, em peles sensíveis, ocasione a piora do eritema, doença que causa vermelhidão tanto em uma área limitada quanto por todo o corpo.

Para evitar problemas, anotem essas diquinhas aqui:

– Ao sair ao ar livre, evite uma longa exposição solar, ficando sempre na sombra, principalmente entre nos horários das 10h às 16h, devido a alta radiação UVB.

– Use sempre protetor solar com fator de proteção solar (FPS) 30 ou maior.

– Cubra a pele de seu corpo da exposição solar, como mangas de blusa longa, chapéus e bonés. – Os óculos escuros apropriados e que não causam danos a sua vista, também são boas opções contra raios intensos solares.

Alimentação
Já ouviu dizer que você é aquilo que come, não é mesmo? A sua pele também.
Uma má alimentação pode provocar um desequilíbrio no funcionamento das glândulas sebáceas, deixando a sua pele com excesso de oleosidade.
Além disso, o consumo correto de nutrientes, vitaminas e fibras, deixam a sua pele mais viçosa e com um aspecto saudável.

Cuidar da pele, de que maneira?

Que tal um passo a passo para fazer aquela limpeza facial sem erro?

Limpeza
Lave o rosto com o sabonete específico para o seu tipo de pele, indicado por seu dermatologista. Enxágue com água fria, até que todo o produto tenha sido removido.

Hidratação
Após a pele seca, aplique um hidratante facial – também indicado para o seu tipo específico de pele, através de movimentos circulares delicados, sempre ascendentes. Não se esqueça de massagear também a região do pescoço.

Tratamento específico
Aplique posteriormente o seu dermocosmético (como um anti-acne ou anti-rugas, pof exemplo) receitado por seu dermatologista, seguindo mesmos movimentos circulares delicados.

Proteção solar
Finalize a sua rotina aplicando o protetor solar, pois ele evitará com que o sol retire toda a hidratação e danifique a camada protetora natural de sua pele. Mesmo em dias nublados, o uso deste produto é indispensável, lembrando que existem diversos tipos com texturas variadas para cada tipo de pele, evitando com que você sinta desconforto após a sua aplicação.

Maquiagem
Caso faça o uso de maquiagem, a mesma deverá ser realizada como procedimento final, uma vez que se aplicada na pele sem um agente de hidratação, os poros farão a absorção dos produtos químicos, podendo assim, ocasionar uma disfunção na produção de óleo pelas glândulas sebáceas através da obstrução dos orifícios da pele pela maquiagem, além de estimular também o envelhecimento cutâneo.

Cuidar da pele, com quais ativos?

O uso de dermocosméticos é muito importante quando falamos sobre a saúde da pele. Ao longo do dia e da noite, a sua pele precisa de cuidados diferentes, então anota ai!

Noturno
Nos cuidados noturno – seguindo aquele passo a passo acima, gosto de indicar o uso de dermocosméticos que possuem em sua composição Retinol ou Ácido Retinóico ou Ácido Glicólico, pois têm princípios ativos poderosos para ajudar não somente na hidratação de sua pele, como na renovação celular – ideal quando estamos dormindo.

Diurnos
Já nos cuidados diurnos, aconselho produtos que possuem vitamina C e Ácido Hialurônico, pois ajudam a manter a pele hidratada e protegida ao longo do dia, dando, também, maior sustentação a pele justamente por ser um hidratante natural.

Mas, lembrem-se: É importante que vocês procurem o seu ou a sua dermato, para que este profissional examine bem a sua pele, com todas as suas particularidades e indique o melhor produto.

Lembrando que os dermocosméticos indicados variam muito de acordo com a real necessidade de sua pele, como tipo (seca, oleosa ou mista), além da idade e do histórico.

Consultem o seu médico!

Cuidar da pele, quando?

Ao acordar e antes de dormir é sempre necessário dar uma manutenção na pele. Pela manhã, é importante retirar o excesso da oleosidade acumulado durante o sono e retirar possíveis resíduos de produtos aplicados anteriormente. Já pela noite, é importantíssimo limpar bem os poros de toda a poluição acumulada e absorvida pela pele no decorrer do dia.

Mas atenção, evite lavar e limpar muitas vezes a pele, pois isso pode remover a camada protetora da pele e, inclusive, aumentar a oleosidade.

Pele, sempre a longo prazo

O que mais acho importante reforçar sobre o assunto é que todo o cuidado que você pratica hoje em sua pele, colherá amanhã e poderá ver uma grande mudança no aspecto geral da mesma, inclusive, nas rugas e linhas de expressão. Apesar de ser um processo natural da vida, o envelhecimento pode ser retardado e combatido com uma boa rotina de cuidados com a pele.

O mais importante, é você procurar um profissional dermatologista de sua confiança, para que ele possa examinar a sua pele e te indicar os melhores tratamentos, complementando a sua rotina especificamente para as necessidades de sua pele.


Por Dra. Thaissa Penteado

Dermatologista associada da SBD.
CRM 120.792 – RQE 34115